Le Coq et le français

Enquanto escrevo este post Zico está em Údine, sendo homenageado. Aproveitou a viagem onde cobriu a Champions pro EI e deu uma esticada até à comuna italiana na região de Friuli. O Galinho jogou por lá entre 83/84, onde foi a sensação do campeonato com seus incontáveis gols de falta; os arqueiros do calcio não sabiam mais o que fazer pra evitar que a bola entrasse na forquilha. Zico foi vice-artilheiro, fez o gol da primeira vitória da modesta Udinese em cima da poderosa Roma, e claro, virou ídolo.

Ou seja, virou lá o que sempre foi aqui, ídolo de muitos, de rubro-negros e agregados. Outro dia mesmo publiquei no Instagram uma foto dele descalço, envergando a 10 num Maracanã às escuras, atendendo aos torcedores depois do tradicional Jogo das Estrelas. Se eu não tivesse visto e fotografado, talvez não acreditasse na imagem: Zico dando uma volta olímpica no estádio assinando camisas e tirando fotos, isso uma hora após o fim da partida. Incrédulo, pensei em voz alta e alguém respondeu:

– Ah, todo ano ele faz isso.

whatsapp-image-2016-12-29-at-11-24-19

Pois essa semana o Galo aprontou de novo. Como você deve saber, lancei o guia PARIS PARIS no fim do ano passado, e ao menos uma vez por ano passo uns dias na cidade luz por conta do livro e afins. Acabei fazendo amizades por lá, com brasileiros e franceses. Ao lado do hotel onde sempre fico em République tem uma loja de esportes bem bacana, a NSH Football. Fiquei amigo dos vendedores e a gente começou a se seguir no insta. No perfil do Thomas Bregy, alucinado por futebol e torcedor do Olympique, só fotos com craques internacionais que visitam a boutique parisiense.

Zico, a caminho de Paris pra comentar o chocolate do PSG no Barça, postou uma foto lendo o livro no avião. Thomas viu, curtiu e me chamou no direct fazendo um pedido:

– Vous pouvez trouver l’hôtel où est Zico maintenant à Paris? Juste pour prendre une photo avec lui….

whatsapp-image-2017-02-12-at-17-18-33

Traduzindo: ele queria saber onde o Galo ficaria hospedado e aparecer no hotel pra tirar uma foto. Eu disse que ia tentar, mas que não poderia garantir nada porque nessas viagens de cobertura a turma fica numa correria danada e coisa e tal. Chamei o homem no Whatsapp e veio a resposta:

– Manda ele vir às 10h45, pois tenho uma reunião aqui no hotel às 11h.

Passei o recado e acabei esquecendo. No dia seguinte, à noite, bolinha vermelha no direct do insta outra vez. Mensagem do Bregy, com uma foto em anexo:

whatsapp-image-2017-02-17-at-20-11-11

– Merci encore mon ami pour ton aide! À bientôt sur paris!

Era ele dizendo: “mais uma vez obrigado pela sua ajuda, meu amigo! Espero vê-lo em breve em Paris!”. Respondi: de nada, agradeça ao cara da foto, que desceu do quarto 15 minutos mais cedo só pra fazer a foto contigo.

Com carinho, Zico.

 

Anúncios

Sobre RR TV

Apresentador de TV, idealizador e guitarrista dos Soundtrackers, e autor dos livros: As aventuras da Blitz, Almanaque da Música Pop no cinema, London London - O único guia para conhecer Londres usando o metrô e Paris Paris, que segue o mesmo conceito.
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s